Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Câmara marca Audiência Pública para discutir situação do Diviprev

Câmara marca Audiência Pública para discutir situação do Diviprev

por Diretoria de Comunicação — publicado 30/08/2017 14h50, última modificação 04/12/2017 18h10

Por iniciativa da Comissão Permanente de Administração Pública, Infraestrutra, Serviços Urbanos e Desenvolvimento Econômico, a Câmara Municipal de Divinópolis marcou para o próximo dia 12 de setembro, às 19h, audiência pública, no plenário  da Casa, para discutir a situação do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Divinópolis (Diviprev). 

De acordo com a pauta, a audiência vai discutir sobre a “Gestão do Diviprev e a atual administração pública municipal”. O tema vai englobar também o debate do “ajuste fiscal e a garantia dos direitos dos segurados ativos, aposentados e pensionistas atuais e futuros”.

O Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Divinópolis e Região Centro-Oeste (Sintram) vem alertando a categoria sobre a necessidade de discutir a real situação do Diviprev já que há informações de um déficit atuarial de mais de R$700 milhões. Também em assembleia neste ano, os servidores solicitaram uma audiência pública para tratar da atual situação financeira do instituto. Neste sentido, a presidente do Sindicato, Luciana Santos, reuniu-se em maio com a superintendente do Diviprev, Rejane Alves, ocasião em que pediu a realização da audiência pública para debater a questão. A superintendente disse que até julho a audiência seria marcada, porém a mesma não foi agendada pela superintendência.

“Nós fizemos uma exposição para a superintendente do Diviprev de nossas preocupações e do pedido da categoria para debater o assunto em regime de urgência. Agora, com essa iniciativa da Câmara, é preciso lembrar ao servidor que toda oportunidade de debate é muito importante, pois é o nosso futuro, a nossa aposentadoria. É preciso que todos compareçam a esse debate, pois essa audiência é o começo de uma pesada luta que teremos pela frente”, disse Luciana Santos.

Prestação de contas

Na última prestação de contas, o balanço oficial apresentado pelo Instituto mostrou que o Diviprev encerrou o primeiro semestre com uma receita de R$ 48.373.654,97 contra uma despesa de R$ 27.479.907,12. A prefeitura possuiu dois parcelamentos e nos primeiros seis meses do ano pagou R$ 819.394,50. Em caixa o Diviprev possui hoje R$ 345 milhões. A preocupação é com o déficit atuarial que chega a R$ 700 milhões. Isso quer dizer que, se todos os servidores fossem se aposentar hoje, o instituto teria que ter este valor em caixa para atender a demanda.

                                                                                                    Fonte: Informativo Oficial do SINTRAM

registrado em: , ,