Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Resumo dos trabalhos da 5ª Reunião Ordinária de 20-02-2018

Resumo dos trabalhos da 5ª Reunião Ordinária de 20-02-2018

por Diretoria de Comunicação publicado 20/02/2018 17h28, última modificação 20/02/2018 17h28

Sem projetos em pauta, fez uso da Tribuna Livre na 5ª Reunião Ordinária, realizada em 20 de fevereiro de 2018, a Presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas, CDL, Alexandra Galvão que falou sobre propostas de alteração no Código Tributário do Município.

Confira o resumo dos pronunciamentos:

DelanoVereador Dr Delano (PMDB) – Afirmou que eleitor agradado não é conquistado e que o conquistado é eterno. Criticou aqueles que querem resolver apenas os problemas pessoas e muitos são impossíveis de agradar o tempo todo. Afirmou que Vereador não é profissão e que a carteira de trabalho é que define profissão. Disse que a Polícia por enquanto não é coisa de Deus, é do demônio. Criticou os que entram para o plenário e se tornam inimigos. Citou o trabalho que realizou no fim de semana quando fiscalizou denúncia de que a água da COPASA estava contaminada. Disse que a empresa é muito ruim mas a verdade tem que ser dita e que não havia nada disso. Criticou colega de plenário que foi para as redes sociais e elogiou a atitude quem publicou o vídeo, mesmo não sendo verdade. Disse que muitos estão na vida pública pelos aplausos mas que estes logo terminam. Criticou também quem o desafiou a resolver o problema da UPA e chamou este cidadão a ir com ele para tentar resolver os problemas da cidade. Informou que a divulgação de vídeos ajuda a atingir a população que hoje usa amplamente as redes sociais.

EdsonVereador Edson Sousa (PMDB) – Disse que acordou cedo no sábado com um vídeo sobre a COPASA, onde um cidadão estaria questionando a possibilidade de ter fezes humanas na água que a empresa oferece. Ressaltou que Dr Delano foi o primeiro a sair em defesa do interesse do cidadão mas que vários outros também estiveram no local fiscalizando. Disse que não está defendendo a COPASA, mas a verdade. Pediu que a Câmara convoque o denunciante para prestar esclarecimentos já que o mesmo fez acusações sérias. Destacou que não eram fezes na água e que quem denunciou sem ter certeza foi irresponsável porque fez até com que pessoas passassem mal. Disse que isso não pode acontecer porque se não as pessoas começarão a inventar denúncias que denigrem empresas sérias. Relatou que as denúncias devem ser feitas mas que a internet exige responsabilidade. Informou que está fazendo um requerimento á casa para que seja feita uma homenagem à jornalista Sônia Terra por sua contribuição no exercício da profissão. Informou que apresentou denúncia contra a Secretária Municipal Suzana Xavier porque a mesma estaria reenviando para a Câmara projeto que foi derrotado pela casa, em específico o da Planta de Valores do IPTU que no seu entendimento regimental só poderia ser votado daqui há quatro anos. Afirmou que quando o projeto chegar deve ser devolvido. Falou ainda sobre a prestação de contas de seu mandato como Presidente da Câmara quando recebeu prêmios por sua atuação e que todas as contas foram aprovadas.

JosafáVereador Josafá (PPS) – Elogiou a moradora do Lúcia, irmã do Zezé que ainda cuida da praça próxima de sua residência, no Afono Pena. Falou da indicação que fez pedindo passarela para pedestres, para atender em especial os alunos da Escola Ilídio da Costa Pereira, atravessando a rodovia MG 050, ligando o Alvorada ao Serra Verde. Disse que não pediu antes a obra porque ela poderia atrasar ainda mais o cronograma de execução. Disse que já está tudo pronto para ser feita a sinalização estratigráfica da Rua Tiradentes que só não foi feita por causa da chuva. Informou que a Primeira Reunião de 2018, do Fórum para Desburocratização do Serviço Público será nesta quarta, na sede do Sindicato dos Contabilistas e da mesma participará o Secretário de Desenvolvimento, José Alonso Dia. Agradeceu a equipe que está fazendo a limpeza da região Noroeste da cidade, como parte do trabalho de combate à dengue e lembrou que no dia 24 será feito um mutirão para recolhimento do lixo. Falou do apoio através do site vozesweb.com.br onde está interagindo com os cidadãos.

SargentoVereador Sargento Elton (PEN) – Usou sua fala para informar aos moradores do Candelária, Jardim das Oliveiras e imediações que esteve reunido com a equipe da Prefeitura para tratar das obras de pavimentação da região, já que algumas ruas não foram atendidas. Voltou a pedir que seja votado o projeto de sua autoria, que exige cursos superior para Secretários Municipais a partir do próximo mandato e também ficha limpa. Destacou que o projeto pede que seja exigido curso superior na área em que a pessoa vai atuar. Criticou o fato de que muitas vezes cabos eleitorais, ex-políticos e outras pessoas sem preparo são colocadas para ocupar cargos públicos e que isso prejudica o andamento e a qualidade do serviço que é prestado para a população. Voltou a pedir a criação da Secretaria Municipal de Segurança Pública que pode atrair investimentos públicos para resolver o problema da violência na cidade. Um dos projetos quer seria instalado com este recurso seria o Portal da Cidade com monitoramento por câmeras, em todos acessos à Divinópolis. Pediu também a criação da Guarda Municipal. Citou que ações na segurança são fundamentais e dá como exemplo a postura do Governo Federal que criou até mesmo o Ministério da Segurança para a intervenção no Rio de Janeiro.

KabojaVereador Kaboja (PSD) – Pediu a atenção dos vereadores para o fato de a Presidência ter nomeado os membros das comissões e que alguns dos nomeados ainda não terem escolhidos como será a composição o que está atrasando diversos procedimentos internos da casa. Disse que não tem procuração para falar em nome de seu colega de partido, o Vereador Ademir, mas que mesmo sendo elegante e ponderada, a Tribuna de Alexandra Galvão, não pode deixar de prestar apoio ao vereador porque acompanhou a votação do projeto e que o mesmo não generalizou quando se referiu aos empresários da cidade, estando à época se referindo aos grandes especuladores imobiliários que existem na cidade. Disse que Ademir é um Vereador de primeiro mandato, em seu primeiro ano e que por isso continua em seu aprendizado que é constante. Lembrou que no início do mês anunciou a assinatura da Ordem de Serviço para obras de pavimentação em Ermida, na Rua do Óleo e outras ruas do bairro Jardim Primavera onde será feita também a drenagem pluvial. Relembrou da trajetória para que a obra pudesse se tornar possível, atendendo a uma grande demanda da comunidade e destacou que o período chuvoso atrapalha o início imediato das intervenções que serão feitas. Agradeceu o Deputado Jaime Martins por ter viabilizado os recursos para a obra. Também se manifestou indignado com o vídeo que espalhou mentira sobre a água da COPASA estar contaminada com fezes.

AdemirVereador Ademir (PSD) - Disse que o seu Gabinete Itinerante estará de volta, a partir de 15 horas desta próxima quarta feira (21), no Bairro Belo Vale. Solicitou do Prefeito a instalação dos aparelhos das duas Academias ao Ar Livre, que estão desmontadas no Pátio da Prefeitura, conseguidas através de sua intervenção. Denunciou que retiraram as placas de impedimento do trânsito em via no Bairro Rancho Alegre, sem a obra terminar. Que pessoas estão transitando no calçamento que ainda não foi compactado, danificando a obra. Informou que está se empenhando para a reforma do Posto de Saúde, na Comunidade de Branquinhos, para evitar a transferência dos atendimentos daquelas pessoas no Posto do Quilombo. Comentou sobre vídeo veiculado nas redes sociais atestando má qualidade da água da Copasa, que a mesma continha que era inverídico e irresponsável.

RogerVereador Roger Viegas (PROS) - Reclamou da coleta de lixo na cidade, que está mal feita. Que tem recebido queixas deste assunto em seu programa de rádio e em seu gabinete. Disse que na última sexta-feira falou com o Prefeito Galileu sobre o assunto e, também conversou sobre a região Nordeste - Manoel Valinhas e Danilo Passos e adjacências, para onde pretende levar melhorias. Assegurou que um grande projete esportivo será implantado na região. Disse que é um vereador de diálogo, que gosta de se encontrar pessoalmente com os representantes da Administração Municipal para explicar os problemas e buscar soluções. Destacou o trabalho do Presidente Kildere, do Bairro Danilo Passos, assegurando que está sempre disposto a lhe apoiar. Informou que esteve com a Patrícia, da Prefeitura, que a mesma lhe disse que está esperando todos os Vereadores, para dialogar e expor suas reivindicações. Propôs iniciar o ano sem vaidades e que todos busquem trabalhar em favor do povo de Divinópolis.

CleitinhoVereador Cleitinho (PPS) - Abriu sua fala manifestando seu apoio e respeito a Alexandra Galvão que fez uso da Tribuna Livre. Disse que a fala do Ademir que foi criticada foi má interpretação e que o país não funciona sem empresários. Afirmou que empresário também é povo e que geram emprego. Elogiou a jornalista Sônia Terra por seu trabalho. Informou que finalizou através da gestão compartilhada que efetuou melhorias em escolas da cidade, como a Estadual Lauro Epifânio que recebeu uma quadra e a Estadual Magalhães Pinto que foi recuperada das infiltrações. Agradeceu aos empresários e políticos que foram parceiros, como o Deputado Estadual Fabiano Tolentino que tem sempre sido um parceiro. Disse que se não trabalhar com Tolentino neste ano é porque estará em seus projetos políticos mas que tem orgulho do trabalho parlamentar do mesmo. Reclamou que o Prefeito está dando as costas para seus pedidos porque votou contra o projeto que propunha a revisão da planta de valores do IPTU. Disse que ele está dando as costas é para o povo. Sobre o vídeo da possível fezes na água da COPASA disse que a empresa não tem credibilidade e que por isso todos se assustaram e acreditaram na possibilidade de ser verdade. Disse que se o cidadão agiu de má-fé ou não não cabe a ele julgar e que o episódio serviu para mostrar a insatisfação popular com a empresa. Disse também que o vagão literário irá sair de Divinópolis, indo para Carmo do Cajuru, sem explicação. Criticou o atraso no pagamento dos servidores municipais.

EduardoVereador Eduardo Print Jr (SD) – Elogiou a Presidente da CDL por sua atuação afirmando que os empresários estão bem representados e disse que por ser um pequeno empresário sabe das dificuldades da categoria. Apresentou ofício onde o Secretário Osvaldo André fala da importância do projeto Vagão Literário e conta que o orçamento da sua pasta não suporta a manutenção e finalização do projeto e confirmou sua ida para Carmo do Cajuru. Alertou que além do vagão, Carmo do Cajuru também está recebendo empresas e outros projetos que em Divinópolis não tem apoio e sugeriu que o Vagão Literário seja mantido através de uma parceria com a iniciativa privada. Sugeriu por exemplo que escolas privadas poderiam assumir o mesmo. Reclamou que abriram mão do projeto antes mesmo de tentarem uma solução. Disse que Prefeito que faz gestão compartilhada e se reúne com a cidade, vereadores, empresários e população, como em Carmo do Cajuru, recebe o projeto inovador do Vagão Literário mas que Galileu se reúne no máximo com três vereadores e nem atende telefonema dos outros. Reclamou da situação da UPA estar caótica novamente, mesmo tendo recebido recursos no mês de dezembro. Disse que está tentando implantar o projeto “Adote um bem público” e não consegue receptividade por parte da Prefeitura e que o programa poderia ser a solução para o Vagão Literário. 

NegoVereador Nêgo do Buritis (PEN) – Parabenizou Alexandra Galvão da CDL por sua fala na Tribuna. Parabenizou e agradeceu pela capina na Rua Sebastião Albino no bairro Danilo Passos. Chamou a atenção do Executivo para a situação do bairro Itacolomi que sofre com coleta de lixo deficitária e bota-foras irregulares. Disse que tem recebido muitos pedidos e reclamações sobre iluminação pública mas que está difícil resolver já que a Prefeitura não está conseguindo licitar a obra. Disse que a situação dos bairros sem iluminação pública é crítica e precisa ser resolvida.



RenatoVereador Renato Ferreira (PSDB) - Disse que as pessoas tem que ter sabedoria na hora de usar sua fala e pediu desculpas a Presidente da CDL pela fala de Ademir que ao falar da planta de valores não criticou empresários como um todo, mas os que promovem a especulação imobiliária. Falou da falta de repasses por parte do Governo do Estado o que fez com que o servidor público recebesse apenas mil reais de salário escalonado. Criticou os vídeos falsos que circulam pelo Facebook e pelo Whatsapp. Destacou que vários vereadores estiveram presentes e constaram que a denúncia de fezes na água era falsa. Afirmou que o vídeo causou pânico e forçou muitas pessoas a consumirem água minera. Relatou que participou de reunião UPA e foi conseguido repasse para pagamento dos profissionais com salários atrasados que pretendiam parar atividades. Criticou o que considera falta de diálogo na Prefeitura de Divinópolis. Disse que Vereadores querem ajudar a resolver os problemas mas não estão conseguindo.

JaneteVereadora Janete (PSD) – Externou à Alexandra Galvão, Presidente da CDL, todo o seu apoio e deixou seu mandato a disposição para apoiar os projetos da empresária e da entidade. Lamentou o fim da coluna Preto no Branco de Sônia Terra, no Jornal Agora. Elogiou a imprensa divinopolitana. Denunciou mais um caso de violência contra a mulher em Divinópolis e disse que números de casos assim estão sendo constantemente denunciados e que isso é bom porque significa que as mulheres não estão ficando omissas e estão tendo coragem de falar. Criticou o atraso nos salários dos servidores municipais que estão sofrendo para pagar contas. Disse que apesar de não estar na Comissão de Educação continuará trabalhando nesta área porque sabe da importância e que qualquer demanda da comunidade escolar pode ser levada ao seu gabinete. Destacou que agora irá atuar na Comissão de Saúde com o mesmo afinco e dedicação. Falou da necessidade de se conscientizar sobre o descarte correto de lixo eletrônico. Falou da sua preocupação com os trilhos que cortam a cidade que tem provocado acidentes e informou que está fiscalizando os locais onde estes ocorreram para tomar providências urgentes. Defendeu a permanência do “Vagão Literário” e defende parceria para que ele seja mais utilizado.

César TarzanVereador César Tarzan (PP) – Relatou que esteve reunido com voluntários do grupo “Ação e Amor” e que o mesmo está só crescendo. Disse que estará presente no dia 28 de abril, na II Galinhada Solidária do projeto. Disse que tem um carinho muito grande e se dedica a atender os Presidentes de Bairro. Colocou seu mandato a disposição para apoiar lideranças que quiserem montar uma Associação de Moradores e que já foi procurado pelo Fábio do Nações, Peroba do Dona Rosa, Emersom do Interlagos e muitos outros. Informou que está acompanhando a instalação de mão única nas Ruas Bom Sucesso, Jesus Jota e Dolores Aguiar Rabelo. Defendeu que o projeto inicial apresentado deveria ser mantido, diferente do que está sendo implantado que está gerando muitas reclamações e que na Rua Dolores Aguiar está acontecendo o estrangulamento da via. Disse que o transporte coletivo será prejudicado porque na rotatória quer estão instalando no Interlagos, veículos maiores não conseguirão fazer a conversão seguindo o trajeto da mesma. Insistiu que o projeto feito há dois anos atrás seja mantido sem interferência na Dolores Aguiar Rabelo. Informou que nos próximos dias estará visitando os bairros Terra Azul e Costa Azul para conhecer as demandas da comunidade.

MarcosVereador Marcos Vinícius (PROS) – Disse que não entende como um cidadão teve acesso livre à COPASA , fazendo filmagem de modo que poderia fazer qualquer outra coisa com a água seria fornecida para os cidadãos. Cumprimentou a Presidente da CDL Alexandra Galvão pelo seu uso da Tribuna Livre. Reconheceu que o Vereador Ademir não teve a intenção de afrontar os empresários que geram emprego e renda na cidade. Defendeu os empresários que sofrem com a alta carga tributária no país. Informou que esteve reunido com o Prefeito Galileu que revelou que está cada vez mais difícil administrar a cidade por causa da falta de repasses por parte do Governo Estadual. Denunciou que foram retidos os repasses do IPVA que seriam quase 10 milhões de reais para a cidade. Disse que pediu aos deputados que liberem recursos para urbanização da cidade e que conseguiu verbas de Stefano Aguiar e Leandro Genaro para obras na cidade que estariam em dificuldade de chegar por causa da falta de contrapartida do município. Entre as regiões que seriam atendidas estão ruas do bairro Icaraí e Lago das Roseiras. Agradeceu por lhe confiarem a Presidência da Comissão de Justiça. Confirmou o pedido do Pastor Wilson Botelho para que o Vagão Literário seja adotado pelo Projeto Quero viver e mantido na Praça dos Candidés. Elogiou a trajetória de Sônia Terra junto ao Jornal Agora. Disse que ainda não recebeu nenhuma explicação técnica por parte da empresa COPASA que não poderia ter permitido o acesso de qualquer pessoa a água tratada da cidade que pode ser contaminada por pessoas mau intencionadas.

Adair OtavianoVereador Adair Otaviano (PMDB) - Cumprimentou a Tribuna Alexandra Galvão e disse que Ademir não quis ser grosso com empresários da cidade, tendo durante a votação da proposta de revisão da planta de valores apenas ocorrido um mau entendio. Falou da visita do Governador Fernando Pimentel aos Estados Unidos onde pediu empréstimo para o BID, para investir em saneamento no Norte do Estado. Disse que é inadmissível esta conduta porque o Governador esta buscando um empréstimo de grande valor, em ano eleitoral e que isso pode ser visando as eleições e pode deixar o estado endividado. Falou de denúncias que recebeu denúncia sobre a sede abandonada da Toca da Tamanduá e que esteve no local e constatou que a piscina está vazia e sem criadouros dos mosquito da dengue. Disse que também foi fiscalizar a denúncia de que fezes estaria contaminando a água da cidade, na estação de tratamento da COPASA. Disse que não vai “passar a mão na cabeça” da COPASA mas também não vai contra o cidadão porque ele paga para beber daquela água. Disse que os vereadores estiveram no local em momentos diferentes e afirmou que a empresa não tem seu respeito até porque ela capta água em uma área contaminada pelo esgoto. Defende que o caso seja melhor investigado e sugeriu análise mais técnica e criteriosa, inclusive por parte da Polícia Federa. Disse que a COPASA é que tem que provar a qualidade da água e não o cidadão que alertou sobre uma possibilidade já que ele inclusive também paga para consumir esta água.