Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Vereadores aumentam valor da multa por inexistência ou má conservação de muros e passeios

Vereadores aumentam valor da multa por inexistência ou má conservação de muros e passeios

por Diretoria de Comunicação — publicado 09/08/2017 15h15, última modificação 04/12/2017 18h02

A Câmara de Divinópolis aprovou na tarde da terça-feira (08), o Projeto de Lei EM 074 de 2017, de autoria do Vereador Cleitinho (PPS) que altera a Lei que dispõe sobre a construção, reconstrução e conservação de passeios e muros no Município de Divinópolis. 

A matéria aprovada altera os os incisos I,II,III e acrescenta o § 2° ao artigo 3º da Lei 7.174 de 2010 aumentando o valor da multa cobrada no caso de inexistência de passeio e muros ou má conservação dos mesmos. 

Pela inexistência de muro e passeio a multa corresponde e ao valor de uma UPFMD por metro linear de testada; pela inexistência de muro ou passeio p valor corresponde a 50% da UPFMD por metro linear de testada e no caso de má conservação o valor corresponde e a de 1/3 da UPFMD por metro linear da testada. A UPFMD é a Unidade padrão fiscal do Município de Divinópolis e hoje está fixada em R$69,65. 

2017 - Ver. Cleitinho TribunaO Projeto estabelece ainda que no caso de o imóvel, em que há ausência ou má conservação de muro e passeio que o Presidente da Câmara deverá notificar o Chefe do Executivo para que ele promova as devidas adequações. Não sendo cumprida a determinação, o a Prefeitura de Divinópolis será multada e o valor arrecadado será revertido para instituição filantrópica indicada por votação do plenário da Câmara. 

Para que tenha validade a lei ainda precisa ser sancionada pelo Prefeito Galileu Machado. Segundo o autor, o objetivo é garantir que os responsáveis pelos passeios em logradouros públicos os mantenham bem conservados e com acessibilidade conforme já estabelecido em lei para facilitar a passagem de pedestres nas calçadas do município. 

registrado em: